Conecte-se conosco

Esportes

Flamengo e Palmeiras tentam se colocar de vez na briga por título do Brasileirão

Publicado

em

Ainda dá? Essa é talvez uma das perguntas mais feitas por torcedores de Flamengo e Palmeiras em relação ao futuro dos dois times no Campeonato BrasileiroQuarto e quinto colocados na tabela, respectivamente, cariocas e paulistas se enfrentam nesta quinta-feira, a partir das 19h (de Brasília), para se colocarem de vez na briga pelo título da Série A.

A distância para a liderança diminuiu nas últimas rodadas e, por isso, Flamengo e Palmeiras veem como realidade a briga pelo título nacional com Internacional, São Paulo e Atlético-MG, principalmente.

Após golear o São Paulo por 5 a 1 na noite desta quarta-feira, o Inter assumiu a liderança que até então era do rival paulista. São 59 pontos: a sete de distância do Flamengo, e a oito do Palmeiras.

Discurso otimista

Baseando-se puramente nos números, a briga pelo título continua viva no Flamengo. O time vai entrar em campo a sete pontos do líder Inter, com dois jogos a menos – ou seja, num curto prazo pode reduzir a diferença para apenas um ponto.

O discurso da diretoria também é padrão: todos acreditam no trabalho de Rogério Ceni e na conquista do título.

A questão é o desempenho do time. Contra o Goiás, o placar de 3 a 0 pode indicar uma vitória fácil, mas o que se viu foi uma equipe ainda com dificuldades para criar chances de gol, embora mais segura na defesa.

O jogo contra o Palmeiras é um teste e tanto para saber o atual patamar do Flamengo. Uma vitória daria a confiança necessária para um elenco repleto de grandes jogadores, mas que ainda busca sua melhor forma técnica.

Algo a favor do Flamengo é que seus principais jogadores estão à disposição, após um período de muitos desfalques por lesão no fim de 2020. Com o elenco praticamente completo, uma boa sequência pode ser decisiva para o título.

Luta em três frentes

Para o Palmeiras, o embate diante dos flamenguistas é tratado no discurso sob a mesma ótica dos decisivos confrontos de Copas, que levaram a equipe de Abel Ferreira às decisões da Copa do Brasil contra o Grêmio e da Libertadores contra o Santos.

Um dos melhores times do returno, com 23 pontos, e com 6% de chances de título segundo cálculo do matemático Tristão Garcia, o Palmeiras vem embalado por quatro partidas de invencibilidade e uma goleada histórica sobre o arquirrival Corinthians.

Desde 2004, a equipe alviverde não vencia o principal adversário do estado por 4 a 0, placar conquistado na última segunda-feira com gols de Raphael Veiga e Luiz Adriano (dois cada). A goleada, contudo, ficou no passado, e o foco está no Flamengo.

– Conseguimos ser eficientes contra o Corinthians, mas focamos no processo e não no resultado. Temos 24 horas para celebrarmos e 24 horas para lamentarmos quando o resultado não é favorável. Tivemos uma conversa para ver o que podemos melhorar. Trabalhamos focados no processo e pensando nos próximos jogos – afirmou o zagueiro Luan.

Diante dos rubro-negros, entretanto, o Palmeiras volta a “dosar energia”. Além do suspenso Mayke, que está fora após decisão final do STJD, o time alviverde não deve contar com atacante e destaque Rony, desfalque por um problema no joelho.

Globo Esporte

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.