Conecte-se conosco

Destaque

A Junta do Serviço Militar de Osvaldo Cruz alerta para prazos do alistamento de 2021 e seleção complementar

Publicado

em

O jovens nascidos em 2003 e anteriores, que por algum motivo deixaram de realizar o seu alistamento devem fazê-lo neste prazo.
Os jovens nascidos em 2003 tem a facilidade de poder realizar seu alistamento pela internet através do aplicativo do exército brasileiro ou pelo site www.alistamento.eb.mil.br
O responsável pelo setor Diógenes Soares da detalhes:
“O jovem que não tiver acesso à internet pode comparecer a junta do serviço militar que será feito seu alitamento normalmente. Ou através da biblioteca pública do município, que vem nos apoiando já tem alguns anos, no que tange o alistamento militar online.”
O jovem que deixar de realizar o seu alistamento sofrerá as penalidades impostas pela lei e o regulamento da lei do serviço militar: não conseguirá ingressar em cargo público, ou até mesmo privado pois as impresas hoje requerem que os jovens estejam em dia com as suas obrigações militares. Não poderá fazer matrícula/rematrícula em instituições de ensino, participar de concurso público, tirar passaporte e consequentemente se ausentar do país.
Para a seleção complementar foram selecionados 90 jovens na seleção geral em 2020. Esses jovens deverão comparecer no tiro de guerra no dia 28 de janeiro, segunda-feira, para receberem a data e horário da sua seleção complementar.
A seleção complementar é a última etapa do processo de seleção onde será formada a turma de atiradores no ano de 2021 do Tiro de Guerra de Osvaldo Cruz.
O não comparecimento é crime de submissão, previsto no regulamento da lei do serviço militar, acarretando em problemas para a sua vida civíl.
O sargento Saulo foi transferido para Brasília e recebemos novo comandante, sub-tenente Michael que está vindo de Ponta Grossa, Paraná.
Em momento oportuno utilizará os meios de comunicação do município para se apresentar à toda a população.
Fonte: Ocnet
Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.