Conecte-se conosco

Destaque

Manifestações de caminhoneiros são registradas no Oeste Paulista

Publicado

em

Caminhoneiros iniciaram, na manhã desta quinta-feira (9), manifestações em rodovias do Oeste Paulista. Há registros de movimentações em, pelo menos, três cidades da região.

Na Rodovia General Euclides de Oliveira Figueiredo (SP-563), em Teodoro Sampaio (SP), a Polícia Militar Rodoviária informou que acompanha o ato. Conforme apurado no local pela TV Fronteira, as entradas de Teodoro Sampaio foram fechadas.

O movimento é pacífico, mas os manifestantes não estão permitindo a passagem de caminhões com outras cargas não-perecíveis ou vazios, bem como de ônibus de indústrias e de usinas daquela região; esses transportes estão retornando para levar os trabalhadores para casa

Os manifestantes estão autorizando a passagem de caminhões com cargas vivas e perecíveis e de veículos de passeio, porém, convidam os condutores desses veículos menores a aderirem ao movimento.

Até as 7h30, aproximadamente 20 caminhões, 5 ônibus, 4 automóveis e 30 pessoas estavam parados nos canteiros e acostamentos do trevo da cidade com o km 0 da SP-563, segundo informou a corporação e o Departamento de Estrada de Rodagens (DER).

Também há movimentação de caminhoneiros às margens da Rodovia Raposo Tavares (SP-270), em Presidente Prudente (SP). Acompanham a situação equipes da Concessionária (Cart) e da Polícia Rodoviária.

O capitão Daniel Martins, da Polícia Rodoviária, garantiu que não haverá interrupção do tráfego de veículos no corredor da Rodovia Raposo Tavares. Ele disse que a corporação respeita o direito de manifesto, mas que esse direito não se sobrepor ao direito de ir e vir das pessoas.

Em Rinópolis (SP), no trevo da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425) no km 361 também há movimentação. Está “tranquilo e tem poucos caminhões parados”. Segundo um dos organizadores, o Policiamento Rodoviário foi ao local e orientou que os manifestantes a não “forçarem” os caminhoneiros a pararem no acostamento.

Os caminhoneiros são a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro e contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A manifestação ocorre após os atos de 7 de Setembro, bloqueando estradas em vários estados.

Continuidade

A Polícia Rodoviária informou que caminhões seguem parados parados na Rodovia Raposo Tavares, numa área lindeira no perímetro de Santo Anastácio. Os veículos estão no local desde a última terça-feira (7).

Ao G1, a Cart Concessionária de Rodovias informou que caminhoneiros ocupam a faixa de domínio da SP-270 em:

– Presidente Prudente, km 571

– Santo Anastácio, km 597

Não há inferências nas pistas e o trânsito flui com normalidade, segundo a Cart.

 

 

 

Fonte: G1

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.