Ligue-se a nós

Destaque

Segunda parcela do 13º salário precisa cair na conta até hoje

Publicado

no

A Segunda parcela do décimo terceiro salário deve ser paga até esta sexta-feira (18). O prazo, na verdade, é dia 20, mas, como ele cai no domingo, as empresas devem antecipar o depósito para o último dia útil antes dele.
Enquanto a primeira parcela, cujo prazo de pagamento venceu em novembro, é equivalente à metade do salário bruto do trabalhador, a segunda é equivalente à outra metade, porém, com os descontos previstos na Lei, como os de Previdência e Imposto de Renda.
Mas esses valores só valem pra quem trabalhou na mesma empresa de janeiro a dezembro. Se o funcionário foi contratado ao longo do ano ele recebe um décimo terceiro proporcional.
Por exemplo: quem ganha R$ 2 mil na carteira e está na empresa desde janeiro tem direito ao mesmo valor de décimo terceiro. Quem recebeu R$ 1 mil em novembro e receberá agora os outros R$ 1 mil, menos os devidos descontos.
Um funcionário que ganha os mesmos R$ 2 mil, mas entrou na empresa na metade do ano, em julho, recebe só metade desse valor, de décimo terceiro, ou seja, R$ 1 mil também em duas parcelas: R$ 500 reais em novembro e mais R$ 500 agora, menos os devidos descontos.
Uma das polêmicas deste ano ficou por conta das pessoas que tiveram a jornada e o salário reduzidos, por conta da pandemia, ou até o contrato de trabalho suspenso.
O Governo decidiu, nos últimos dias, que, no caso desses trabalhadores, o calculo do décimo terceiro será feito com base no salário normal, sem contar a redução.
Já pra quem teve o contrato suspenso, só é considerado um mês trabalhado aquele no qual o funcionário exerceu a função por mais de 15 dias.
Fonte: Rádio 2
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.