Conecte-se conosco

Destaque

Sebrae-SP e Prefeitura de Osvaldo Cruz priorizam selo de procedência do café da Alta Paulista

Publicado

em

Uma parceria entre o Sebrae-SP e a Prefeitura de Osvaldo Cruz pretende ampliar até os produtores locais o acesso a um selo de procedência geográfica para o café produzido na Nova Alta Paulista.
Na semana passada consultores do Sebrae-SP visitaram dois dos principais produtores de Osvaldo Cruz no sentido de que eles conheçam o projeto e convidem outros produtores a participarem da indicação geográfica de procedência.
A intenção do Sebrae-SP é que o café aqui produzido seja reconhecido como um produto de procedência, abrangendo toda a Nova Alta Paulista.
“Para nós produtores é importante sim o selo. Isto vai tornar nosso produto muito melhor em termos de venda, mais atrativo no mercado, sem dúvida. Vou participar sim”, disse o produtor, Luiz Baptista Júnior.

Participação do Município

Por outro lado, a Prefeitura de Osvaldo Cruz, através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, está engajada na parceria que pode ser um agregador de valores aos produtores locais.
“A intenção é que os produtores de café de Osvaldo Cruz também recebam esse selo e consigam melhores preços de venda ao final”, disse o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Guilherme Trovó.

Sebrae realizou seminário no ano passado na região

No ano passado o Sebrae-SP já havia realizado um seminário em conjunto com o Instituto Federal de SP sobre a Indicação de Procedência do Café Arábica da Nova Alta Paulista.
Produtores de café arábica, agroindústrias, engenheiros agrônomos, técnicos agrícolas, pesquisadores, lideranças comunitárias, cooperativas, associações, instituições de ensino e pesquisa, poder público e representantes de entidades governamentais e não governamentais discutiram políticas da cultura para a região em sobre uma de suas principais atividades econômicas.
Especificamente na Região da Nova Alta Paulista, o café arábica faz parte da fundação e/ou desenvolvimento das 30 cidades que a compõem.
O projeto teve início no mês de maio do ano passado e se estenderá pelos próximos três anos, até a solicitação do reconhecimento junto ao INPI. No caso do Café Arábica da NAP, a solicitação será da espécie “Indicação de Procedência”, que é utilizada para indicar que um produto ou serviço é reconhecidamente originário de um país, uma região, um lugar específico, atestando a notoriedade do local de onde o produto se originou.

Indicação Geográfica

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o registro de Indicação Geográfica é conferido a produtos ou serviços que são característicos do seu local de origem, o que lhes atribui reputação, valor intrínseco e identidade própria, além de os distinguir em relação aos seus similares disponíveis no mercado.
São produtos que apresentam uma qualidade única em função de recursos naturais como solo, vegetação, clima e saber fazer.
A maior parte das Indicações Geográficas é formada pelos pequenos negócios, segundo levantamento do Sebrae. O reconhecimento de uma Indicação Geográfica no Brasil é obtido por meio de registro no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).
Hoje o país possui Indicações Geográficas em vários setores, como vinhos, artesanatos, cafés, queijos, frutas, entre outros.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Osvaldo Cruz
Fotos: Carla Dias – Prefeitura de Osvaldo Cruz
Colaborou com informações: Sebrae-SP Regional de Presidente Prudente

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.