Conecte-se conosco

Destaque

Policiais Militares de OC prendem homem por estelionato, corrupção ativa e uso de documento falso

Publicado

em

Após alerta informado de pelo COPOM de que no município de Araçatuba, um indivíduo havia subtraído de uma vítima a quantia de R$20 mil e utilizando um táxi teria deixado aquele município, policiais militares de Osvaldo Cruz solicitaram mais informações sobre a ação criminosa e tomaram conhecimento de que o veículo estaria se deslocando pela Rodovia Assis Chateaubriand no sentido Parapuã/ Presidente Prudente e o fato teria ocorrido pelo município de São José do Rio Preto, e não Araçatuba.

De imediato os policiais deslocaram para a Rodovia e pelo KM 396, o veículo GM/SPIN (Táxi) foi abordado e seus ocupantes submetidos a busca pessoal sendo localizado com o passageiro R$ 19.069,65 em dinheiro. Indivíduo inicialmente identificado por “um nome”, tentou subornar um dos militares propondo uma negociação para que nenhuma providência fosse tomada.

Diante fatos, materialidade e suborno, indivíduo recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Martinópolis, onde compareceu a vítima (dono do dinheiro) o qual informou ter caído em um golpe onde o criminoso intermediou a compra de uma máquina de salgados industrial no valor de R$20 mil e que num momento de distração, o infrator deixou o local onde ocorreria, em tese, a negociação, tomando rumo ignorado.

Não sabendo onde encontrar o criminoso, a vítima buscou informações em um ponto de táxi onde teve a notícia de que um indivíduo com as características do autor estava se deslocando para cidade de Presidente Prudente, sendo fornecido o telefone celular do taxista, informou aos COPOMS de São José do Rio Preto, Araçatuba e Presidente Prudente, atitude que frustrou a ação criminosa.

O criminoso passou por exame datiloscópico pois, este se apresentava como sendo de origem boliviana, porém, os exames comprovaram trata-se de “outro nome” e que utilizava documentos falso da Bolívia sendo inclusive feito contato com a embaixada daquele país.

Diante dos fatos, o criminoso recebeu voz de prisão em flagrante delito pelos crimes de estelionato, corrupção ativa e uso de documento falso, permanecendo preso à disposição da justiça.

A quantia de R$19.069,65 foi restituída a vítima que emocionado elogiou todo trabalho e esforço dos policiais militares tecendo agradecimento ao saber  da prisão do golpista e que teria seu dinheiro de volta.

 

 

 

Fonte: Polícia Militar de Osvaldo Cruz

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.