Conecte-se conosco

Polícia

Homem de Salmourão é preso em flagrante pela PM com 24 pedras de crack

Publicado

em

(Foto: Polícia Militar / Cedida)

Uma Unidade de Serviço da Polícia Militar realizava patrulhamento ostensivo e preventivo na noite desta quinta-feira (21), por volta das 23h30, pela Vila Esperança, em Osvaldo Cruz, quando recebeu denúncia de um moto taxi que disse ter buscado um indivíduo de cor parda, usando bermuda e botas, camisa longa e chapéu no município de Salmourão e, ao chegar Vila Esperança, este desembarcou e não pagou a corrida, saindo para o interior do Bairro.

Foi realizado patrulhamento com vistas a localizar o indivíduo, quando os policiais avistaram um homem, conhecido nos meios policiais, em frente à casa de um outro indivíduo, também já conhecido pela prática de vendas de drogas. Ambos conseguiram se evadir do local ao perceber a presença da viatura.

Seguindo o patrulhamento, policiais avistaram um veículo parado na rotatória da empresa Linoforte, onde acompanharam a distância, sendo solicitado apoio da viatura de Salmourão, logrando êxito em abordá-lo.

Em busca pessoal no indivíduo, foi localizado o valor de R$9,00 e, ao ser questionado o que veio fazer em Osvaldo Cruz, ele disse que veio para buscar drogas, sendo que havia jogado em um bueiro antes de ser abordado.

Policiais verificaram e notaram que ele falava com dificuldades, ao pedir para abrir a boca ele recusou, sendo usado de força física moderada para contê-lo. Foi localizado um invólucro na boca do indivíduo que continha 24 pedras de crack.

Questionado, ele confessou que ia vender a droga em Salmourão e confirmou ter comprado, indicando a casa de outro indivíduo. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao indiciado, sendo conduzido ao plantão da Polícia Civil de Adamantina onde a autoridade ratificou a voz prisão.  Indivíduo estava na condicional, tendo que estar em casa 22h.

Rádio Metrópole

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.