Conecte-se conosco

Destaque

Governo de SP nomeia 190 alunos-oficiais para a Polícia Militar

Publicado

em

O Governador João Doria nomeou 190 alunos-oficiais para Polícia Militar, aprovados em concurso público. O ato foi publicado na edição desta sexta-feira (20) no Diário Oficial do Estado (DOE). Depois que concluírem a formação, os futuros policiais vão reforçar o efetivo da PM em todo estado.

A próxima etapa será a posse dos nomeados e, na sequência, o início da turma no Curso de Formação de Oficiais (CFO), da Academia de Polícia Militar do Barro Branco (APMBB), localizada na zona norte de São Paulo.

A formação, que tem duração de quatro anos, é reconhecida como graduação em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, sendo aplicadas disciplinas, como Polícia Comunitária, Direitos Humanos, Inteligência Policial, Criminalística e Balística Material e Forense, entre outras. Depois de graduados, os oficiais estarão aptos para o exercício de comando e gestão das atividades de polícia ostensiva, preservação da ordem pública, defesa civil e territorial.

 

Reforço no efetivo

Desde o início da atual gestão, 10.552 policiais, sendo 7.729 PMs, 2.058 policiais civis e 765 técnico-científicos, já passaram pelos cursos de formação e estão atuando em todo o Estado.

Além deles, outros 4.301 profissionais estão atualmente em formação, sendo 3.554 soldados e 457 alunos-oficiais, além de 289 policiais civis e um técnico-científico.

Também estão em andamento concursos para selecionar mais 2,7 mil soldados.

 

 

 

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.