Conecte-se conosco

Destaque

Golpistas são presos tentando aplicar golpe em banco de Tupã

Publicado

em

Policiais militares de Tupã receberam denúncis sobre dois homens suspeitos em frente ao Banco do Brasil da cidade e foram apurar. Quando chegaram ao banco, encontraram os homens conversando na praça, que ao verem a viatura, tomaram rumos diferentes, mas mesmo assim foram abordados pelos policiais. Ambos traziam consigo mais de R$ 2 mil em notas de R$ 100 e R$ 50.

Os homens foram levados para a Central da Polícia Judiciária, onde apresentaram documentos falsos. Porém, as identidades deles foram descobertas pelo setor de inteligência da Polícia Civil, onde constataram que eles eram procurados pela justiça.

Apesar das câmeras de segurança terem mostrado os acusados apenas abordando os clientes, naquele momento não foi possível saber se haviam cometido algum crime, embora tenham sido localizados pedaços de fita isolante instalados nos caixas eletrônicos.

Os policiais civis Marcelo Benites Paveloski e Alessandro Ribeiro Teixeira conseguiram identificar que os homens poderiam estar usando um veículo Fiat Argo, porém ambos negaram o envolvimento com tal veículo. Como nada de ilícito foi encontrado, eles acabaram sendo liberados.

Depois do ocorrido, os investigadores realizaram campana próximo ao carro e ao verem os suspeitos que acabaram de serem liberados, entrando no veículo, os policiais foram abordar eles.

Encontraram dentro do automóvel, uma porção de maconha e folhas de cheque que foram furtadas na cidade de Garça, de um idoso de 84 anos. Em contato com a família da vítima, foram informados de que além das folhas de cheque, os autores roubaram também R$ 1,5 mil da vítima.

Ambos foram presos em flagrante pela prática do crime de furto duplamente qualificado. Ainda há possibilidade de moradores da cidade de Tupã terem sido vítimas, uma vez que os criminosos agiram no interior da agência.

 

 

 

Fonte: Tupã City

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.