Conecte-se conosco

Destaque

Energisa contabiliza mil ocorrências resultantes do temporal

Publicado

em

A Energisa contabilizou cerca de mil ocorrências de falta de energia decorrentes do temporal que atingiu a região na noite de sábado (23). No início da tempestade cerca de 26 mil clientes tiveram o fornecimento de energia comprometido, sendo que 95% estão com a energia normalizada.

A maior parte das ocorrências foi provocada por queda de árvores e galhos sobre a fiação, resultando no rompimento de cabos e danos, quebra de postes e danos a outros equipamentos da rede elétrica. Nestes casos em que há volume expressivo de vegetação nas vias, impedindo a atividade das equipes da Energisa, se faz necessária a atuação do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil no corte e retirada de galhos para que a recomposição do sistema elétrico seja concluída.
Pelo terceiro final de semana consecutivo, a região foi acometida por rajadas de ventos, acompanhadas de chuvas fortes. Conforme atualizado pela Defesa Civil, na noite deste sábado os ventos passaram de 80 km/h, causando destelhamentos, derrubando árvores, postes, e arremessando diversos objetos sobre a rede elétrica.
Com o empenho das equipes, que foram reforçadas desde a noite de sábado, a energia está sendo normalizada de forma gradativa, reduzindo a demanda das ocorrências mais críticas e prioritárias, que incluem hospitais, unidades de saúde e situações que coloquem a segurança da comunidade em risco.
Neste momento, as equipes continuam trabalhando na substituição de postes, removendo árvores sobre a fiação, realizando reparos de cabos e de outros equipamentos nas localidades onde os danos foram mais graves.
Fonte:Impacto Notícias
Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.