Ligue-se a nós

Edital de Proclamas

Editais de Proclamas tornados públicos na data de hoje, 11 novembro de 2020

Publicado

no

Faço saber que pretendem casar-se e apresentaram documentos exigidos pelo artigo 1.525, itens I, III, IV e V do Código Civil Brasilero:

1 – WÉLYNGTON GABRIEL GONÇALVES BATISTA e ANA CAROLINE SILVA BITTENCOURT VIEIRA. Ele, natural de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, nascido aos três de março de um mil novecentos e noventa e três (03/03/1993), profissão mecânico, estado civil solteiro, domiciliado e residente à Rua José Canola, 40, na cidade de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, filho de JOSÉ BATISTA MATOS e de dona DIVA GONÇALVES BATISTA. Ela, natural de Senhor do Bonfim, Estado da Bahia, nascida aos oito de janeiro de um mil novecentos e noventa e seis (08/01/1996), profissão op de telemarketing, estado civil solteira, domiciliada e residente à Rua Prefeito Eurico Vieira Lima, 35, na cidade de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, filha de ARI BITTENCOURT VIEIRA e de dona MARIA AUXILIADORA BITTENCOURT VIEIRA.

2 – GABRIEL MOTTA DA CRUZ e MURIELI RAYSSA CAETANO FRANQUIM. Ele, natural de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, nascido aos treze de novembro de dois mil (13/11/2000), profissão Mecânico, estado civil solteiro, domiciliado e residente à Rua José Conca, 265, Alberto lang, na cidade de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, filho de ADELCIO PEREIRA DA CRUZ e de dona CLAUDIA VALERIA FERREIRA MOTTA DA CRUZ. Ela, natural de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, nascida aos vinte e seis de maio de dois mil (26/05/2000), profissão Cuidadora, estado civil solteira, domiciliada e residente à Rua José Conca, 265, Alberto lang, na cidade de Osvaldo Cruz, Estado de São Paulo, filha de ADRIANO FRANQUIM e de dona JULIANA MURIEL CAETANO FRANQUIM.

 

Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da lei. Edital a ser afixado nesta Serventia.

Osvaldo Cruz-SP, 11 novembro de 2020.

Micaela Zegobia Sevilha Pires

Oficial Sub

Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.