Conecte-se conosco

Destaque

Dupla é multada em R$ 33 mil por realização de rinha de galos em Martinópolis

Publicado

em

Dois homens foram multados pela Polícia Militar Ambiental por realizarem rinha de galos, em uma residência, no bairro Epaminondas, em Martinópolis (SP), neste sábado (30). As autuações chegaram ao valor de R$ 33 mil.

Uma equipe policial foi até a residência após receber uma denúncia de maus-tratos a animais.
No local, os policiais flagraram dois homens praticando rinha de galos e sete pessoas como espectadores.
Mediante a isso, foram emitidos nove autos de infração ambiental, sendo dois por praticar atos de maus-tratos e sete por participação de espectadores, com base no artigo 29 da Resolução Sima 05/2021.
Por não haver um local disponível e adequado para a destinação, as aves foram apreendidas e entregues aos seus respectivos proprietários a título de depositário fiel.
Homem é multado em R$ 42 mil por maus-tratos a galos usados para rinha em Marília
Um homem foi multado em R$ 42 mil ao ser surpreendido pela Polícia Ambiental praticando o crime de maus-tratos contra animais por manter galos usados para a prática de rinhas (briga), em Marília (SP), neste sábado (30).
Segundo informações da polícia, a equipe recebeu denúncia de que o morador do bairro Hípica Paulista mantinha em sua casa os animais em situação de maus-tratos.
No local, os policiais encontraram 14 galos índio com vários indícios de que eram utilizados em rinhas, como esporas serradas, penas da coxa e abdômen arrancadas, cristas e barbelas amputadas.
Além disso, segundo a polícia, o local onde os animais estavam acondicionados estava muito sujo e era pequeno, o que impedia que eles se locomovessem.
Os animais foram apreendidos e encaminhados para avaliação veterinária, que elaborou laudo confirmando a situação de maus-tratos. Os galos ficaram sob cuidados de uma ONG.
Além da multa, o suspeito também deve ser indiciado por crime ambiental, previsto em lei federal, sendo que a ocorrência será apresentada posteriormente pela própria Polícia Ambiental.
Fonte: G1
Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.