Conecte-se conosco

Notícias

Dengue matou 20 idosos este ano no Brasil; OC tem mais de 460 casos

Publicado

em

NACIONAL – Das 32 pessoas que morreram em decorrência da dengue nos primeiros meses deste ano, 20 tinham mais de 60 anos. A informação é do último Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde. Esta faixa etária é apontada como uma das mais vulneráveis às complicações causadas pela doença.

Nestes casos, os especialistas da área alertam que o vírus da dengue pode interagir com doenças pré-existentes e levar a quadros graves.

Bergmann Morais Ribeiro, especialista em vírus de insetos da Universidade de Brasília (UnB), explica mais.

“Como qualquer doença, os idosos são mais vulneráveis, porque não têm a mesma resposta imunológica de uma pessoa mais jovem. Qualquer patógeno, se os idosos forem infectados, a probabilidade de a doença ser mais severa é maior. O corpo do idoso já está debilitado, com uma doença crônica, por exemplo, aumenta a inflamação no corpo e isso, às vezes, favorece a replicação do vírus da dengue.”

Por isso, o Ministério da Saúde alerta que os idosos devem procurar um serviço de saúde logo quando surgirem os primeiros sinais da doença. Os principais sintomas da dengue são: febre alta, acima de 38.5ºC, dores musculares intensas, dor ao movimentar os olhos, mal estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas vermelhas no corpo.

A melhor forma de prevenção da dengue é evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, eliminando água armazenada que pode se tornar possíveis criadouros.

E você? Já combateu o mosquito hoje? A mudança começa dentro de casa. Proteja a sua família. Para mais informações, acesse saude.gov.br/combateaedes.

OC tem mais de 460 casos

E no final da última semana, a Vigilância Epidemiológica de Osvaldo Cruz atualizou os números da Dengue no município.

O balando mais recente aponta para 469 casos confirmados.

Além desses, outras 223 notificações aguardam resultados de exames e 226 pacientes que procuraram oficialmente os serviços de Saúde, tiveram os resultados negativos.

Osvaldo Cruz decretou estado de emergência devido à epidemia de dengue desde a primeira semana do mês de fevereiro. A Prefeitura colocou em prática uma estratégia de limpeza em locais públicos e particulares e aumentou o número de profissionais para atendimento de pacientes.

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.