Conecte-se conosco

Destaque

Capes divulga edital para bolsas de doutorado-sanduíche no exterior

Publicado

em

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) publica nesta  quarta-feira (16), no Diário Oficial da União, o Edital nº 10/2022 do Programa Institucional de Doutorado-Sanduíche no Exterior (PDSE), que financiará 1,4 mil vagas. De acordo com a Capes, o investimento previsto é de até R$ 81,8 milhões para bolsas de seis a dez meses. A previsão é que o início das atividades no exterior ocorra entre setembro e novembro deste ano. 

Para participar do programa, o candidato deverá estar matriculado em curso de doutorado no Brasil, não ter título de doutor, ter sido aprovado no exame de qualificação ou ter cursado o primeiro ano do doutorado. É preciso ainda comprovar proficiência em língua estrangeira e não acumular a bolsa com benefícios de outras agências de fomento para a mesma finalidade. Após a conclusão dos estudos no exterior, o bolsista deve retornar ao país para defesa de tese.

Segundo a Capes, os programas de pós-graduação participantes do Programa Institucional de Internacionalização (PrInt) não poderão indicar bolsistas para o PDSE.

Seleção

A primeira fase do edital, a seleção interna dos candidatos pela instituição de ensino superior, estará aberta até 31 de março.

Posteriormente, os selecionados pelas instituições deverão se inscrever no link Inscrição Online da página do programa, no prazo de 4 abril até as 17h de 25 de abril.  Segundo a Capes, dúvidas em relação ao edital deverão ser enviadas para o e-mail pdse@capes.gov.br em até dois dias antes do fim das inscrições.

As pró-reitorias de Pós-Graduação terão de 2  a 13 de maio, até as 17h, para homologar as candidaturas, que serão analisadas pela Capes. Uma relação preliminar de aprovados será publicada em 22 de junho.  O resultado final deverá ser divulgado a partir do dia 11 de julho.

 

 

 

Fonte: Agência Brasil

Continue lendo
--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.