Ligue-se a nós

Destaque

Brasil pega Quênia por 1º lugar do grupo no vôlei feminino

Publicado

no

Melhor equipe do torneio de vôlei feminino das Olimpíadas de Tóquio e ainda invicta depois de quatro partidas, o Brasil entra em quadra às 9h45 (de Brasília) desta segunda-feira para fechar a fase de classificação da competição e sob a possibilidade de assegurar o primeiro lugar no Grupo A. O adversário será o Quênia.

Invicta na competição, a equipe de José Roberto Guimarães busca a liderança para não depender do sorteio no primeiro cruzamento das quartas de final. Somente os primeiros colocados das duas chaves possuem rival definido; no caso, os times que terminarem na quarta posição do grupo oposto.

Caso fique em segundo, possibilidade real em caso de derrota para as africanas e vitória da Sérvia sobre a Coreia do Sul em pelo menos quatro sets, o Brasil conheceria o rival após um sorteio. Foi o caso do time masculino, vice-líder do grupo e que vai encarar o Japão nas quartas de final.

Antes do início da última rodada, que será aberta ainda na noite deste domingo com Sérvia e Coreia do Sul a partir das 21h, o Brasil tem pelo caminho a Turquia.

Itália, Estados Unidos e Comitê Olímpico Russo são os outros times com passagem definida para o mata-mata no Grupo B e definem nesta última rodada a ordem dos classificados. China e Argentina estão eliminadas.

No grupo do Brasil, a equipe possui a companhia de Sérvia e Coreia do Sul entre as classificadas. Japão e República Dominicana, que se enfrentam às 7h40, definem o quarto colocado e último classificado.

Em situação tranquila na competição, a equipe brasileira ainda aguarda a recuperação de Macris, que sofreu uma entorse no tornozelo direito na partida contra o Japão, no último dia 29. Desde então, a levantadora titular se limita ao trabalho de fisioterapia e corre contra o tempo para ainda estar à disposição do time em Tóquio. O cenário é de confiança.

“Macris está bem. Já caminhou, fez exercícios, deu uma caminhada legal. Já fez coisas importantes. Ontem, eu fiquei com ela, Fernandinho, Roberta e a Ana até 00h10, 00h15. Ficamos brincando na fisioterapia. Queria dar uma olhada como ela estava. E ela estava muito positiva”  declarou José Roberto Guimarães.

Do outro lado da quadra, o Quênia é comandado por um conhecido do vôlei brasileiro. Luizomar de Moura, um dos principais técnicos do país nas últimas décadas, dirige a equipe africana, que busca, no mínimo, se despedir do Japão com um set vencido.

Confira a tabela da última rodada da fase de grupos:

Grupo A

– Sérvia x Coreia do Sul – 21h

– Japão x República Dominicana – 7h40

– Brasil x Quênia – 9h45

Grupo B

– Estados Unidos x Itália – 23h05

– Comitê Olímpico Russo x Turquia – 2h20

– China x Argentina – 4h25

 

 

 

Fonte: Globo Esporte

Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.